CURSO COMPLETO

CURSO DE PERCUSSÃO BRASILEIRA

 

PREPARATÓRIO / BASICO I II e III

INTERMEDIARIO E AVANÇADO

2018

Duração de 4 (quatro) anos

Por: Eder “O” Rocha

 

Prego Batido

O nome vem da expressão muito usada na Zona da Mata Norte de Pernambuco. “Quando o trabalho é bem feito o prego foi batido, Prego Batido com a ponta virada.”

 

Prego Batido é uma Escola Itinerante de Percussão Brasileira, um método de ensino

desenvolvido por Eder “O” Rocha, onde alia a tradição oral à linguagem da música escrita.

Com o objetivo de transmitir o conhecimento tradicional através de códigos escritos.

 

O Ensino da Percussão e dos ritmos da Cultura Popular Brasileira cumpre o desafio de tornar os instrumentos de percussão tão respeitados quanto qualquer instrumento musical.

Na busca desse equilíbrio entre a linguagem erudita e popular, a escrita musical é utilizada para registro e transmissão de informações da nossa cultura, até então conhecida apenas por meio da tradição oral. A partir do seu Livro Método Zabumba Moderno, 2004, Eder deu inicio a essa metodologia para o ensino da Percussão Brasileira. O material didático é produzido a partir de uma pesquisa acerca dos instrumentos de percussão na cultura musical brasileira: tipos de instrumentos, qualidades, contexto onde estão inseridos, diferentes técnicas, características acústicas, diferentes modos de tocá-los, de acordo com as Regiões e grupos sociais específicos.

 

Atualmente a Prego Batido oferece cursos itinerantes, oficinas de percussão, eventos culturais, apresentações musicais do Grupo Prego Batido de Percussão Brasileira, além de produzir os outros trabalhos musicais que contam com a participação de Eder “O” Rocha, como o Terno Quente, Édella, Velho Maza, Sebastião Biano e seu terno Esquenta Muié.

 

O CURSO:

 

PREPARATÓRIO/

Tempo cíclico

Compreensão da música como sendo cíclica.

A compreensão do pulso e sub-pulso orgânico com referencia na música dos índios Caiapós.

A concretização da música através da dança, remetendo a escrita musical.

Movimentos lineares e circulares para a compreensão dos ciclos denominados tempo, compasso e frase.

Compreensão de sub-pulsos binários e ternários.

Tocando o Maracá e a matraca.

Polirritmia orgânica em função da compreensão do intelecto.

Elementos de formação das regras musicais – Apoio e suspensão, Tempo forte e fraco, simbologia dos números 1, 2 e 3 como construção de ciclos, individuo e coletivo, expressão da fala de um povo e seu ritmo, regente e regência, tempo, compasso e formula de compasso, principio das contagens dos ciclos macro e micro.

Relógio / Pulsação Simples (binária) e Composta (ternária).

Combinações com os cinco elementos verticalmente.

Compreensão do pulso e sub pulso.

Introdução a compasso, regência e fórmula de compasso.

Valores, ponto de aumento, ponto de diminuição, legato e métrica e sinais de repetição

Combinações e formação de estruturas cíclicas musicais.

Contagens.

Articulação.

Rítmicas com as mãos e marcação básica com os pés.

 

Instrumentos:

Corpo: Tempo cíclico – Relógio – Progressão – Contagem.

Independência: - Combinações rítmicas brasileiras (voz, mão esquerda, mão direita, pé esquerdo, pé direito).

Maracá: Primeira reprodução de pulso e sub-pulso através de um artefato.

Matraca: Compreensão de sub-pulsos binários e ternários.

Ferro: Frase cíclica de conclusão do exercício pulso e sub-pulso simultâneo.

 

 

MÓDULO 1

Apresentação dos instrumentos: Atabaque, caixa, pandeiro e teclado (vibra fone)

Alongamento para os braços e pernas

Aquecimento para a musculatura das mãos e braços.

Lendo com o pandeiro

Introdução à campana da música afro-brasileira.

Compasso simples e composto.

Acento métrico, síncope e contratempo.

Toques com as mãos (instrumento atabaque).

Afinação dos Atabaques

Técnica, coordenação, controle dos golpes.

Articulação.

Toques com baquetas (instrumento caixa)

Baqueta como extensão do braço.

Exercícios de fixação da baqueta nas mãos.

Técnica para os toques com baquetas (com preparação e sem preparação).

Técnica, coordenação, controle das baquetas.

Afinação da caixa.

Toque simples.

Progressão rítmica.

Exercícios com metrônomo.

Andamentos e BPM (batidas por minutos).

Escrita e leitura musical.

Toques com baquetas macias (instrumento vibra fone).

Notas e pautas.

Clave de sol e clave de fá na quarta linha.

Semitom, tom, alterações.

Modos Litúrgicos.

Escalas maiores.

 

Ritmos:

Ijexá, Jongo, Congo de ouro, barra-vento e cabula (angola) e nagô – atabaque e agogô.

 

Instrumentos:

Pandeiro e agogô: Leitura rítmica

Caixa Clara: Toques com baquetas: - Baqueta como extensão do braço.

Exercícios de fixação da baqueta nas mãos.

Técnica para os toques com baquetas (com preparação e sem preparação).

Técnica, coordenação, controle das baquetas - Toque simples - Progressão rítmica - Exercícios com metrônomo.

Atabaque: Toques com as mãos: - Golpes abertos; agudo, médio, grave - Golpes fechados: agudo, médio, grave - Técnica, coordenação, controle dos golpes - Toque simples - Progressão rítmica - Exercícios com metrônomo.

Vibrafone: Leitura nas claves de sol, de fá, semitom, tom e alterações.

 

 

MÓDULO 2

Introdução à rítmica brasileira.

Combinações rítmicas brasileiras.

Articulação da mão mais expressiva e sua rítmica.

Assento natural.

Assento artificial com articulação alternada e com articulação da mão mais expressiva.

Rulo múltiplo baseado na articulação da mão mais expressiva.

Dinâmica.

Rudimentos.

Independência.

Combinações rítmicas brasileiras.

Combinações rítmicas afro-brasileiras.

Leitura rítmica e melódica.

Articulação.

Escalas menores, escala maior – forma harmônica, tons vizinhos, modulação, transporte, teoria “alemã” dos compassos, transposição dos modos litúrgicos, escalas artificiais, quiálteras, expressão, escalas exóticas, abreviaturas, termos especiais, escala geral, nomenclatura das notas, acordes de quinta e suas cifragens, ornamentos.

 

Ritmos:

Macumba de caboclinho - Atabaque.

Maracatu de Fortaleza, Cacuriá, Ciranda da Zona da Mata Norte de Pernambuco, Perré (Caboclinho), Baião (Caboclinho), Ciranda litorânea, Maracatu de Baque Virado – Caixa.

 

Instrumento: Pandeiro, caixa Clara, atabaque e vibrafone.

 

MÓDULO 3

Estudos técnicos.

Mês I – Atabaque.

Mês II – Pandeiro.

Mês III – Caixa (bateria).

Mês IV – Vibrafone

 

Ritmos e melodias de sambas, dos forros e maracatus do nordeste.

 

 

INTERMEDIÁRIO

AFOXÉ

Ritmo: Ijexá

Instrumentos: Atabaque, agbê, agogô e tam-tam.

JONGO

Ritmo: Jongo

Instrumento: Tambú, candoguero, atabaques e agogô.

CIRANDA

Ritmo de ciranda

Instrumentos: Bombo, caixa e ganzá.

CAVALO MARINHO

Instrumentos: Pandeiro, baje, mineiro e bexiga.

TRIBOS DE CABOCLINHOS

Ritmos: Perré, Baião e Guerra, tesoura e macumba.

Instrumentos: Bombo, caracaxá, preaca, caixa e atabaque.

COCO DE EMBOLADA

Instrumentos: Pandeiro.

FORRÓ

Ternos de Forró

Ritmos:Xote, Baião, Arrasta-pé, xaxado e coco.

Instrumentos: Zabumba, triângulo, agogô, ganzá e pandeiro.

SAMBA DE MESA

Ritmo: Partido alto Instrumentos: Pandeiro, surdo, ganzá, agogô, tamborim, rebolo e repique de anel.

BOI DE ZABUMBA

Ritmo: Zabumba

Instrumentos: Zabumba, panderito, tambor onça, maracá.

BOI DE MATRACA

Ritmo: Sotaque da ilha e da baixada

Instrumento: Pandeirão, matraca e tambor onça

MARACATU DE BAQUE VIRADO

Ritmo: Marcação, malê, arrasto

Instrumentos: Gonguê, alfaia, caixa, ganzá, tarol.

MARACATU DE BAQUE SOLTO

Ritmos: Marcha e samba

Instrumentos: Bombo, tarol, mineiro, gongué, porca.

ZAMBÊ

Ritmo: Coco

Instrumento: Zambê, chama e lata.

 

 

AVANÇADO

TAMBOR DE CRIOULA

Ritmo de tambor

Instrumento: Tambor grande, meão e crivador.

 

TAMBOR DE CRIOULA DE TABOCA

Ritmo de tambor

Instrumento: Tabocas.

 

MARACATU DE BAQUE VIRADO

Ritmo: Martelo, parada, virado, afoxé

Instrumentos: Gonguê, alfaia, caixa, ganzá, tarol, agbê, atabaque.

 

MARACATU DE BAQUE CRUZEIRO DO FORTE

Ritmos: Macumba, Marcha e Samba.

Instrumentos: Bombo, tarol, mineiro, gongué, porca.

 

COCO RURAL

Ritmo: Coco

Instrumentos: Bombo, tarol e mineiro.

 

COCO DE RODA

Ritmo: Coco

Instrumento: Bombo, ganzá, pandeiro, agogô, tarol, atabaque e tamanco.

 

FREVO

Ritmo: Marcha de rua e marcha de bloco

Instrumento: Pandeiro, surdo, caixa.

 

Bibliografia auxiliar:

Vídeo “O Povo Brasileiro” / Isa G. Ferraz (do livro “O Povo Brasileiro de Darcy Ribeiro)

- Rítmica / José Eduardo Gramani

- Zabumba Moderno / Eder “O” Rocha

- Método Completo para Caixa Clara (nível I e II)

- Stick Control / George Lawrence

- Guia teórico-prático / Pozzoli

- Teoria da Música / Bohumil Med

 

Fale comigo

  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • c-youtube

© 2023 by Samanta Jonse. Proudly created with Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now